Novidades
Biblioteca
Fibrenamics em projeto Inovador para Proteger a Biodiversidade dos Açores

08 nov 2022Notícias

Fibrenamics em projeto Inovador para Proteger a Biodiversidade dos Açores

Fibrenamics em projeto Inovador para Proteger a Biodiversidade dos Açores

Fibrenamics em projeto Inovador para Proteger a Biodiversidade dos Açores

A Fibrenamics, um dos maiores centros tecnológicos nacionais de inovação técnico-científica em fibras naturais e materiais compósitos, em parceria com a Açorgeo, a CIMPA e a Fundação Gaspar Frutuoso da Universidade dos Açores, lançou um projeto inovador destinado a proteger a biodiversidade dos Açores.

Partindo de uma abordagem multidisciplinar, este projeto inovador a nível europeu visou o desenvolvimento de uma solução que permitisse regenerar e estabilizar taludes de baixa/média inclinação, na área da construção e do turismo, promovendo, simultaneamente, a germinação de espécies endémicas e a proteção da biodiversidade da região.

Recorde-se que os materiais utilizados na área da construção são atualmente um forte fator de ameaça à biodiversidade dos Açores. Uma das principais causas encontra-se na proteção e estabilização de taludes que potenciam o desenvolvimento de espécies invasoras, dada a ausência de controlo sob a vegetação que se estabelece, ou que no caso de utilização de misturas cimentícias, como é o caso do betão e argamassa, tornam os solos inóspitos à germinação de qualquer espécie.

No âmbito do projeto “Slope Stabilization and Revegetation”, foi desenvolvido um geotêxtil biocompósito composto por uma matriz mineral, combinada com um biopolímero natural e com fibras de criptoméria dos Açores. Adicionalmente, o produto contém ainda incorporadas sementes de espécies vegetais endógenas.

Figura 1 - Projeção do Geocompósito em talude artificial.


Figura 2 - Disposição dos ensaios de comportamento em condições reais de utilização.


Figura 3 - Aspeto das faixas após a projeção.


Figura 4 - Germinação semelhante na faixa das sementes (esquerda) e na faixa F10 + sementes (direita).

Desta forma, o geotêxtil biocompósito desenvolvido “apresenta uma solução eficaz, capaz de contribuir não só para a proteção/estabilização de taludes, mas também como sistema potenciador da germinação e desenvolvimento das espécies endémicas em detrimento das espécies invasoras, protegendo assim a biodiversidade regional”, como afirma Raquel Galante, Gestora de Projetos na Fibrenamics Azores.

A sua composição inovadora com base em matérias-primas endógenas e com sementes endémicas incorporadas, foi assim pensada de forma a tornar o produto final eficaz, sustentável a nível ambiental, economicamente viável, e perfeitamente adaptável a tecnologias já existente na região.

fibrenamics-azores-team-project-slope

Figura 5 - Equipa envolvida no Projeto "Slope Stabilization and Revegetation”.

Esta nova tecnologia, permitirá reduzir as importações de recursos e desenvolver produtos inovadores sustentáveis, na área da construção civil e turismo, mas passível de ser aplicada em diferentes áreas de mercado como é o caso, a título de exemplo, das áreas de ornamento territorial e proteção e conservação florestal.

Para António Trota, Sócio-Gerente da Açorgeo, a parceria com a Fibrenamics Azores, permitiu “a entrada da Açorgeo num novo nicho de mercado e aumentar a sua competitividade, uma vez que a partir deste projeto não só foi possível reduzir a dependência de parceiros externos como ainda incrementar o leque de serviços/soluções sustentáveis”. A empresa prevê introduzir este novo geotêxtil no mercado dentro de um ano.

Assista ao vídeo do projeto abaixo.

Artigos Relacionados

"O nosso envolvimento com centros de investigação é sem duvida um factor-chave para o nosso sucesso" - Simoldes

07 dez 2022Notícias

"O nosso envolvimento com centros de investigação é sem duvida um factor-chave para o nosso sucesso" - Simoldes

Em entrevista à Fibrenamics, Carla Silva, Project Manager no Departamento de I&D na Simoldes, destaca os fatores que permitiram à Simoldes diferenciar-se da concorrência e cumprir com os requisitos exigentes da indústria automóvel.

Ler mais
Fibras Naturais – para um futuro mais sustentável!

28 abr 2021Notícias

Fibras Naturais – para um futuro mais sustentável!

Artigo de opinião de Raul Fangueiro, Coordenador Fibrenamics - UMinho.

Ler mais

Cookies

A Fibrenamics utiliza cookies para melhorar a sua experiência de navegação e para fins estatísticos. A continuação da utilização deste website e serviços pressupõe a aceitação da utilização de cookies. Política de cookies.